Dicionário Demográfico Multilíngüe (Português - projeto da tradução da segunda edição)

Migração externa

Da Demopædia
Ir para: navegação, pesquisa
Migração externa  


A população de um país soberano pode se envolver em uma migração interna 1 quando tanto o local de origem (801-4) quanto o local de destino (801-5) pertencem ao próprio país, ou em migração internacional 2, quando a fronteira nacional é ultrapassada. O termo migração externa 2 é algumas vezes utilizado neste último caso. A migração internacional é denominada imigração 4 ou emigração 5 se o país em questão é o país de destino ou o país de origem. Quando o país está dividido em sub-áreas, movimentos no interior das fronteiras de cada sub-área são deslocamentos locais 6 e constituem mobilidade residencial 7 ou emigração 8, dependendo se a sub-área considerada é o local de destino ou o local de origem dos migrantes. Uma corrente migratória 9 se dá quando um grupo de migrantes tem uma origem e destino comuns. O contingente maior de pessoas entre essas duas sub-áreas é denominado corrente dominante 10 e o contingente menor é a contra-corrente 11.

  • 1. As definições de migração neste parágrafo podem ser estendidas aos migrantes envolvidos. A distinção entre migração interna e internacional não é sempre precisa quando territórios dentro de um mesmo país são relativamente autônomos.
  • 2. O simples intercâmbio entre fronteiras nacionais recebe a denominação tráfego de fronteira e não deve ser confundido com migração internacional.
  • 4. Imigração, n. — imigrar, v. — imigrante, n. e adj.
  • 5. Emigração, n. — emigrar, v. — emigrante, n. e adj.


More...



United nations
Departement of Economic and Social Affairs
Population Division

United Nations Logo


International Union
for the Scientific Study
of Population

IUSSP logo
Ferramentas pessoais
Espaços nominais
Variantes
Acções
Ferramentas
Noutras línguas